Os tamanhos têm grande importância em um lar. Afinal, complementam a decoração, proporcionando um aspecto aconchegante e sofisticado. Além disso, são ótimos isoladores térmicos e acústicos.

No entanto, para não errar na escolha e não comprometer o décor da sua casa, é preciso atentar para certos detalhes, sendo que os tamanhos de tapetes estão entre os principais.

Assim, para ajudar nessa tarefa, preparamos este post com dicas valiosas sobre os tamanhos corretos para cada cômodo. Dessa forma, a sua casa terá um ar requintado e com o conforto desejado. Portanto, continue a leitura!

Sala de jantar

A função do tapete na sala de jantar, além de enriquecer a decoração, é de proteger o piso do constante atrito com as cadeiras. Assim, o estilo utilizado deve seguir o do tampo da mesa. Ou seja: tampos quadrados exigem tapetes quadrados; tampos redondos, tapetes redondos.

Para acertar na escolha do tamanho, é preciso observar as medidas da área com as cadeiras afastadas. O ideal é optar por um tapete cujo tamanho seja, no mínimo, 90 cm a mais que o tampo da mesa. Dessa forma, você garantirá que tanto a mesa quanto as cadeiras estarão sempre sobre a peça, mesmo quando afastadas para que as pessoas se sentem.

Isso evitará que, ao puxar o móvel para acomodarem-se, os pés das cadeiras fiquem enroscando e enrolando as pontas da tapeçaria, o que pode causar danos à sua peça. Prefira os modelos de pelagem baixa e de fácil limpeza.

Sala de estar

A sala de estar é o cômodo no qual relaxamos, passamos bastante tempo lendo, assistindo a algo interessante na TV, recebemos amigos e familiares para momentos de conversa e descontração. Assim sendo, a decoração deve priorizar o conforto e o aconchego do ambiente, e o uso do tapete adequado é fundamental nesse aspecto.

Para esse cômodo, não há muitas regras. No entanto, existem dicas que devem ser seguidas para garantir que o lugar fique harmonioso. Então, ao se falar de tamanhos de tapetes para sala de estar, é preciso deixar claro que a peça necessita ser proporcional ao espaço do cômodo.

A tapeçaria precisa abranger toda a área de conversação do ambiente. Além disso, o modelo deve seguir a largura do sofá, de modo a ficarem em um mesmo plano e não causarem confusão visual. Outra opção é deixar cerca de 30 cm a mais de tapete para cada lado do sofá.

O ideal é que a peça comporte todos os móveis da sala sobre ela: sofás, poltronas, mesas de centro ou laterais. No entanto, no caso de haver estante ou móvel de TV, o tapete deve estar rente ao mobiliário, e não por baixo.

Para poltronas e sofás, o ideal é que a peça de tapeçaria fique, pelo menos, 30 cm debaixo dos móveis. Isso ajuda a fixar o tapete e ainda evita deslizes durante a circulação das pessoas no cômodo.

Quarto

O quarto é o ambiente mais íntimo dos moradores de uma casa. Assim, é essencial que quem usufruir do cômodo tenha maior conforto e sensação de bem-estar. O tapete correto pode contribuir de forma bastante significativa para isso. Aliás, o quarto é o lugar mais versátil para alocar uma peça de tapeçaria.

Antes de adquirir seu tapete, leve em conta as medidas da cama e também o tamanho do ambiente para que não fique desproporcional. Uma maneira bastante comum é colocar a peça a partir da metade da cama em direção aos pés. Para isso, escolha um modelo cujo tamanho ultrapasse 50 cm das laterais e 60 cm dos pés da cama.

Outra forma é colocar passadeiras — tapetes retangulares e estreitos — ao lado da cama. Se for cama de casal, deve-se colocar uma em cada lado. Para as de solteiro com uma das laterais encostadas na parede, basta uma passadeira.

Nesse caso, a medida também deve ser a mesma da lateral da cama, descontando o espaço dos criados-mudos. Se o quarto for estreito e não houver espaço para os tapetes laterais, pode-se utilizar apenas um, colocado aos pés da cama, com a mesma largura do móvel.

Se o quarto for grande, pode-se fazer uso de tapete para criar outro ambiente no mesmo cômodo. Para isso, coloca-se um modelo menor em um canto, acompanhado de uma bela poltrona com almofadas e uma pequena mesa lateral. Desse modo, você terá um cantinho de leitura perfeito e muito charmoso.

Banheiro e lavabo

Para áreas como banheiro e lavabo, o tapete não só enriquece a decoração como também é um item que traz mais segurança à circulação do local. Logo, opte pelos modelos de secagem rápida, leves, de fácil limpeza e com cor próxima à do piso. É preciso atentar para o tamanho do cômodo antes de escolher a tapeçaria correta.

O certo é que a peça seja posta em frente à bancada da pia, com o tamanho proporcional ao do móvel. Onde houver box também pode ser colocado um tapete do mesmo estilo, obedecendo à largura do vidro.

Corredor

Os corredores costumam ser esquecidos quando decoramos a casa. No entanto, esse espaço pode ficar incrivelmente charmoso ao se optar por um tapete adequado. Além disso, o uso de tapeçaria nesse lugar é bastante indicado. Afinal, é uma área de bastante circulação.

Logo, o tapete protege o piso de possíveis desgastes e arranhões, diminui o ruído dos passos e ainda garante um toque de sofisticação ao cômodo. Assim, o mais utilizado é o modelo de passadeira. Ou seja, estreito e comprido, com o estilo em harmonia com o restante do décor.

Enfim, as tapeçarias são itens fundamentais para compor a decoração de interiores. Para acertar nos tamanhos de tapetes, é preciso atentar para as particularidades de cada cômodo: suas dimensões, estilo de décor, disposição do mobiliário, entre outras. Isso fará com que as peças agreguem sofisticação, estilo, conforto e muita beleza ao seu lar.

Gostou das nossas dicas? Está pronto para escolher as melhores tapeçarias para a sua casa? Então, aproveite a visita ao blog e saiba como funciona uma fábrica de tapetes e carpetes.